“Você, você, você, você, você, você, você quer?”

Calma, não é nenhuma brincadeirinha com o funk do momento não! É uma pergunta simples: você quer?
Outras perguntas surgem com o querer:
a) Você sabe o que quer?
Você é o sujeito da oração, e querer é verbo transitivo : quem quer quer algo ou alguém. Se você não definir claramente seu objetivo, vai viver no pretérito “eu quis”, “eu queria”, ou sair do modo indicativo para o subjuntivo : “se eu quisesse”, “eu quereria”…
Portanto, coloca a alavanca no modo “presente do indicativo”, e corre para a vida. Se acaso você cair, tem sempre uma mão amiga para te ajudar a se levantar! É melhor do que viver na proteção tola da incerteza…
b) É algo possível?
Há os que sonham…e os que deliram, né? Sabe o cara que quer ganhar na mega sena e não joga?
Não acredito em imediatismos: carreira e relacionamentos a gente constrói gradativamente e progressivamente. Em ambos, vamos separar joio do trigo. Em ambos, é bom sonhar, mas acordar vivendo o sonho é ainda melhor!
Difícil não significa impossível, significa hardworking!
c) Seu querer depende de outra pessoa?
Quando depende só da gente fazer a parte nos cabe, lógico que flui mais rápido.
Quando o querer engloba o querer de outro, primeiro temos que checar se ambos querem a mesma coisa, e se ambos estão disponíveis. Sim, pois quem realmente QUER, consegue encontrar um tempinho para um café, separa uma noite para o cinema, pois sabe que aquelas horinhas equivalem a dias de felicidade! E tem coisa mais URGENTE E OBRIGATÓRIA em nossa vida?
d) O que você está fazendo para obter o que quer?
É preciso ter foco. Uma vez me disseram que a oportunidade é uma pessoa cabeluda no rosto e careca de costas: se ela passa e você não a pega pelos cabelos, já era!
Às vezes, estamos naquela entresafra chata, é o momento de limpar as prateleiras, tirar o que não serve mais pra gente, dar lugar ao novo, conversar com quem já conseguiu (acho o mais importante: eles sabem o que passamos, pois também vivenciaram isso, e nos apóiam, dão força e dicas imprescindíveis). Lembre-se, o fundo do poço tem molas!
Preparação para estar pronto para as oportunidades: cuide da saúde, cuide do intelecto, esteja disponível!
e) O que mudará em sua vida quando você transitar do querer para o conseguir?
Fase crucial, esta. Tem gente que, ao conquistar seus objetivos, muda totalmente: some da turma, fica pedante, vira escravo da nova vida. Graças a Deus, é uma minoria. Meus amigos mais bem sucedidos são pessoas cultas(inteligência é pré-requisito para ser meu amigo, rs), porém simples (andam de metrô e ônibus, encaram um fast food de vez em quando, dão um jeito de se reunir com a turma!). E é isso que quero pra mim: crescer profissionalmente, ter um cara especial do meu lado, mas sem esquecer minha essência!

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s