Cães,filmes e posse responsável

Lá fui eu ver o filme "Sempre ao seu lado"…com Richard Gere, e um sósia do meu cachorro, Kenon.
Incrível como se parecem,haha: o jeito de ficar deitado olhando p gente,rolando e pedindo carinho no barrigão,o "abraço" qdo encontra c a gente, a vigília ao churrasco…rs
Claro que chorei, mas porque já conhecia a lenda que originou o filme: o cão Hashiko, que espera seu dono voltar do trabalho numa estação de trem, mesmo após a morte do seu mestre. Sim,é uma raça leal,divertida,companheira. Não é àtoa que tem 2 estátuas dele no Japão!
Como já ocorreu com Rintintin (pastor alemão), Lassie (colie), 101 dálmatas (autoexplicativo), Beethoven (s.bernardo) e Marley (labrador), Hashi tem tudo para se tornar o cão da moda. Eu temo que pessoas sem a menor noção do que é criar um cão resolvam adquiri-los para ,mais tarde , abandoná-los.
Se resolvemos ter um bichinho de estimação,devemos verificar se a raça do mesmo se enquadra em nosso estilo de vida. Akitas não gostam de ficar sozinhos, eles ficam sempre deitados ou sentadinhos próximos aos donos, assuntando a conversa. Workaholics que mal param em casa e sedentários de plantão nem podem sonhar com akitas.
Li na veja sobre um cara que comprou um labrador por causa do filme "Marley e eu" e já se desfez do coitadinho porque não sabia que era tão irriquieto (ué, ele n assistiu ao filme?rs). Cachorro não é uma bolsa da coleção passada que se compra por impulso e depois se deixa de usar. É um integrante da família! Tem sentimentos e necessidades. E gera despesas também!!
Perdi as contas de quantas havaianas,rasteirinhas e sapatilhas o Kenon destruiu quando filhote. Sem falar do dia que ele resolveu pegar minha camisola para colocar no seu colchonete e  fazer de "naninha". Agora adulto, está um lord: adora dançar,correr na USP, já entrou em videolocadoras, lotéricas e até num Fran´s Café (previamente autorizado, ele só entra sabendo que é bem-vindo,lógico),mas o negócio dele é verde, natureza,grama, ar livre. A última que ele aprontou foi deixar minha mãe e meu irmão na sala vendo tv e "bater de leve" na porta do meu quatro,p eu levá-lo para passear ( antigamente,ele pulava para tentar abrir a porta e fazia um barulhão,rs). Ele escolhe com quem ele quer sair, e não aceita desculpa!!Rs
Ter um dog traz muitas alegrias e gera mil responsabilidades : ver se está comendo, repor água limpa no pote,levar ao veterinário, vacinar, vermifugar, dar vitaminas , brincar,escovar os pelos, dar banho, passeios diários,pegar a caca durante os passeios e jogar no lixo…cansou só de ler? Então desencana de ter um cão.
Todos os aspirantes a donos de animais de estimação deveriam assinar um termo de responsável, assim diminuiria o número  de desalmados que deixam o bichinho no pet shop para banho e tosa e nunca mais vão buscá-lo.
Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Cães,filmes e posse responsável

  1. Tati disse:

    Concordo. O ser humano é um animal besta demais. As pessoas fazem as coisas por impulso sem pensar nas consequencias, não querem assumir responsabilidades, fazer escolhas conscientes. Esquecem que os animais são seres vivos, que como nós, tem necessidades e sentem fome, sede, tristeza… Mas pensa bem, se ainda vemos pessoas com coragem de abandoarem crianças, bebês, porque esperar que este bicho besta aja diferente com as outras espécies?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s