Improvável não é sinônimo de impossível

Histórias de amor acontecem a todo instante…e a todo instante também acabam. Todo novo começo vem do fim de algum outro começo, diz uma música…Moral da história: antes de começar um ciclo, feche o anterior.
Complicado definir o que é amor, porque sentimento não é um objeto redondinho, tá mais para uma pintura abstrata onde cada um vê uma figura, sem falar que a gente às vezes só enxerga o que quer, né? 
A bíblia diz que o amor é paciente e bom. E Camões disse que amor é fogo que arde e não se vê (tá com uma cara de paixão, não tá?). Ao meu ver, amor e paixão andam juntos…já viram aquele grupo de corrida em ação na USP? Um tem fôlego para correr todo o câmpus. O outro tem aquele gás total inicial…depois dá uma caminhadinha leve, pára, bebe uma água, volta a correr ao lado do maratonista. O que quero dizer com isso: um sem o outro não começa uma história, pode prosseguir um tempo sozinho, mas se a paixão não chegar junto de vez em quando, o amor perde a vontade de correr.
Temos a infeliz mania de padronizar nosso tipo ideal: tem que ter x anos, altura z, cabelos assim, e gostar de tudo que eu gosto…. Ei, eu sou um ser humano, não um título de um clube restrito. Ok, ninguém precisa abrir a porta de casa e colar em qualquer mané, não vamos exagerar ! Pode haver vida inteligente e interessante em diversos ecossistemas…Numa loja de perfumes, testei um e não gostei….cheguei em casa e após a fixação, estava ótimo…vai entender? Voltei lá para buscá-lo, ainda bem que ainda estava lá. O mesmo pode não ocorrer com as pessoas…
De repente o doutorando não é um nerd mala, o tatuado com cabelo moicano se mostra um cara meigo, o guitarrista pode ter mais responsabilidade que um mauricinho de fachada pródigo. E só saberemos disso se sairmos da zona de conforto e tentarmos.
Se a vida fosse feita só de química (combustão) e física (atração), no vestibular não teria prova de português (articulação é tudo!), matemática (probabilidades estão aí para usar), história ( todo mundo tem as suas), geografia (cada um encara a distância de um jeito) e biologia ( dispensa comentários).
Se Deus fez o mundo em 6 dias e descansou no sétimo, por que essa ansiedade de querer acertar de cara?
 
Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s